Lagos destaca no Dia Município pessoas e exemplos de vida

19

Lagos celebrou na passada terça feira, 27 de outubro, o Dia do Municipio, feriado municipal, com a realização das tradicionais cerimónias protocolares e iniciativas de âmbito cultural e desportivo.

Na Sessão Solene, foram agraciadas algumas individualidades do concelho, dando corpo ao espírito das comemorações deste ano, sob o mote: “homenagear pessoas e exemplos de vida”.

Dedicado ao seu Santo Padroeiro, São Gonçalo de Lagos, o Dia do Municipio teve início com a tradicional Cerimónia do Hastear das Bandeiras, que decorreu na Praça Gil Eanes.

A Sessão Solene teve lugar no Centro Cultural onde foram atribuidas as Medalhas de Mérito Municipal e de Dedicação Pública a cinco Cidadãos e duas Entidades de Lagos.

A cerimónia prosseguiu com a abertura pelo Presidente da Assembleia Municipal de Lagos, Paulo Morgado, que relembrou o facto de que o “Dia do Município se celebrar sob a égide de São Gonçalo de Lagos, “que queremos perpetuar como exemplo de conduta”.

Na intervenção que se seguiu a Presidente da Câmara Municipal de Lagos, Maria Joaquina Matos, destacou a importância das pessoas na vida do municipio, sobretudo daquelas que “sempre sonharam, acreditaram e construíram”, adiantando que esta é mensagem que se deseja transmitir, “porque vale a pena”.

A autarca detacou ainda que “apesar das nuvens de incerteza que todos os dias passam por nós, existem valores que devem permanecer sempre e para sempre. É urgente e necessário que se perceba que a maior riqueza das sociedades são as pessoas, e especialmente as pessoas que ousam sonhar e construir. É o que aqui fazemos hoje, recordar, distinguir e homenagear de forma justíssima, o que é fundamental nas nossas sociedades, …as pessoas, a maior riqueza que qualquer município tem”.

A Sessão Solene, encerrou com um momento musical da responsabilidade da Associação Cultural e Recreativa “Àmodantiga”, seguida da Missa em Honra de São Gonçalo.

Neste mesmo dia decorreram várias atividades desportivas, música, inauguração de exposições, debates e palestras. O programa termina a 31 de outubro, com um Encontro de Música Popular Portuguesa, a decorrer a partir das 21h30, no Centro Cultural de Lagos.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.