Ruínas Romanas de Milreu em Estói

“A Sul de nenhum Norte” nas Ruínas de Milreu

17
A sul de Nenhum Norte

A sul de Nenhum Norte

“A Sul de nenhum Norte “, é o título da exposição de Pedro Amaral, inaugurada no próximo sábado, 14 de maio (17h30), nas Ruínas de Milreu, em Estoi. A exposição com obras do artista e curadoria da licenciatura em Artes Visuais, estará patente até 18 de setembro.

Promovida pelo CIAC em parceria com a Direção Regional de Cultura do Algarve (DRCAlg) esta iniciativa tem como objetivo, dinamizar a interação entre as comunidades académica e local, estimulando diálogos entre arte e o património cultural da região, através do desenvolvimento conjunto da programação de exposições na Casa Rural das Ruínas Romanas de Milreu.

Pedro Amaral vive e trabalha em Sintra. Sem formação artística, trabalhou ativamente em ilustração nos anos 80 e 90. A fundação com Alice Geirinhas e João Fonte Santa do coletivo Sparring Partners em 1995, marca a entrada no universo da Arte Contemporânea, contexto onde expõe regularmente desde essa altura.

A Pintura e mais recentemente o Desenho têm sido os suportes primordialmente escolhidos mas também o vídeo e a instalação e performance. Da Galeria ZDB à integração de algumas exposições e dinâmicas marcantes da década de 90, em colaboração com nomes e comissários/artistas como Paulo Mendes e Pedro Cabral Santo, de individuais em Galerias mainstream a feiras de arte internacionais, mas nunca abandonando os contextos mais independentes e autónomos como o Projeto Museu – Casa Bernardo, o Pogo Teatro, o Salão Olímpico, o projeto “Atlas Secreto“ ou os mais recentes comissariados de arte panfletária de João Fonte Santa.

O trabalho do artista está presente nas coleções Círculo de Artes Plásticas de Coimbra, Museu do Neo Realismo, Fundação PMLJ e diversas coleções particulares em Portugal e no estrangeiro.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.