Lagos assinalou o Dia Mundial do Ambiente

Lagos assinalou o Dia Mundial do Ambiente

10

Lagos comemorou o Dia Mundial do Ambiente, assinalado a 5 de junho. Para comemorar a data a Câmara Municipal, em parceria com o Centro Ciência Viva de Lagos, a Associação A Rocha e o ZooLagos, preparou atividades de âmbito lúdico e pedagógico, com o propósito de sensibilizar para a importância e necessidade de preservar o ambiente.

O Parque da Cidade, no Anel Verde, foi o grande palco de animação e iniciativas educativas no âmbito destas comemorações, que contaram com a presença de mais de 400 crianças. Ali foram realizados diversos jogos, atividades e exposições que decorreram entre os dias 02 e 07 de junho, nas quais participaram 439 alunos, de 22 turmas provenientes de seis escolas do pré-escolar e 1º ciclo do ensino público.

Para além do Centro Ciência Viva de Lagos, que dinamizou algumas atividades, também o Parque Zoológico de Lagos e a Associação A Rocha se associaram a estas comemorações cedendo à autarquia material didático e exposições temáticas, nomeadamente sobre o “Lince Ibérico” e a problemática dos plásticos no meio marinho e a biodiversidade.

A primeira visava evidenciar a importância desta espécie e as razões que fazem desta a espécie de felino mais ameaçada do planeta, e a segunda, a exposição sobre as borboletas, escaravelhos e percevejos, que visava despertar o interesse dos mais pequenos para a importância da conservação da natureza e da biodiversidade.

A iniciativa contou ainda com a colaboração de Idalécio Ventura, munícipe interessado nesta temática, que cedeu alguns veículos alternativos para integrar uma gincana alusiva à temática da “Mobilidade Sustentável”.

Também neste âmbito e entre os dias 01 e 10 de junho esteve patente átrio do Edifício dos Paços Concelho Séc. XXI a exposição temática “Plásticos – Até quando a nossa indiferença?” que visa elevar o grau de consciencialização da população para a necessidade de se proteger o ambiente marinho e costeiro, ao alertar para a problemática da poluição dos rios e oceanos pelos plásticos e os seus impactes.

Ainda neste período, no âmbito da parceria com a empresa Reciclimpa, foi instalado um novo oleão no concelho, na Estrada da Meia Praia, junto ao Edifício A Fábrica, aumentando para 16 os pontos de recolha dos óleos alimentares usados no concelho.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.