Igreja de Santo António em Lagos encerra de 14 a 16 de Julho

11

A Igreja de Santo António em Lagos, Monumento nacional do séc. XVIII, vai encerrar ao público nos dias 14 a 16 de Julho, para a instalação de uma estrutura indispensável à realização dos trabalhos de conservação e restauro da abóbada e, posteriormente, à renovação da iluminação e de limpeza da talha dourada.

Com estes trabalhos dá-se continuidade à intervenção de valorização deste exemplar único do património religioso da cidade de Lagos. A partir do dia 17 de Julho a Igreja de Santo António reabre as suas portas, embora de modo condicionado.

No decorrer destes trabalhos, perspetiva-se a organização de visitas orientadas pelo Dr. Pedro Gago, Conservador Restaurador responsável técnico pela intervenção, as quais terão lugar à segunda-feira, para grupos máximos de 10 pessoas, preferencialmente dirigidas a jornalistas, operadores turísticos, e a confirmar em função do andamento dos trabalhos.

O Museu Municipal, instalado junto à Igreja de Santo António, fundado em 1932, por iniciativa do seu patrono José dos Santos Pimenta Formosinho, mantém a sua abertura ao público nos dias e horários habituais, permitindo aos visitantes apreciar o seu vasto espólio de Arqueologia, Arte Sacra, História de Lagos, Etnografia do algarve, Numismática e Etnografia Ultramarina, bem como coleções singulares e peças museográficas únicas em Portugal, que por si só, justificam uma visita.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.