Férias Ativas da Páscoa conquistam alunos!

10

Mais de centena e meia de jovens estudantes do concelho de Castro Marim, participam de 23 de março e 06 de abril, no programa Férias Ativas da Páscoa, organizado pela Câmara Municipal, em colaboração com a empresa municipal NOVBaesuris.

Nas próximas duas semanas, crianças e jovens de Castro Marim, com idades compreendidas entre os 6 e os 14 anos, vão pôr à prova os seus conhecimentos e a sua aptidão física na realização de um conjunto de atividades lúdicas e pedagógicas, designadamente, aulas de judo e natação, ateliês de artes plásticas na Biblioteca Municipal, ginástica, jogos tradicionais, visionamento de filmes e um triatlo pela vila de Castro Marim, destinado a propiciar um melhor conhecimento do valioso património histórico da terra.

Durante a primeira semana, os participantes vão estar em locais tão diferentes como o Centro de Ciência Viva de Tavira, a Casa de Odeleite, a Biblioteca Municipal, a Casa do Sal, o Pavilhão Municipal e a Piscina Municipal, realizando trabalhos de investigação científica, ateliês, judo, jogos aquáticos, música, futebol ou basquetebol.

De 30 de março a 06 de abril, os alunos além de participarem na “Caça ao Ovo”, que é já uma imagem de marca das Férias Ativas da Páscoa, vão, ainda, assistir a jogos do “Mundialito 2015”, no Estádio Municipal de Vila Real de Santo António e realizar um triatlo pela vila de Castro Marim.

Segundo Francisco Amaral, Presidente da Câmara Municipal de Castro Marim, as Férias Ativas da Páscoa desempenham um papel muito positivo junto dos alunos das escolas do concelho, com a realização de ações que contribuem, significativamente, para o seu desenvolvimento cognitivo e equilíbrio psicomotor, mas também lhes garantem momentos únicos de partilha e lazer e, ao mesmo tempo, ajudam as famílias que, em tempo de férias letivas, manifestam dificuldades em acompanhar os seus educandos.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.