Descendentes Andaluzes "Moriscos" reunem em Congresso - Algarlife Descendentes Andaluzes "Moriscos" reunem em Congresso - Algarlife

Descendentes Andaluzes “Moriscos” reunem em Congresso

Os “Descendentes Andaluzes” que no passado eram designados por “Moriscos”, após a expulsão da Península Ibérica, a que foram obrigados pela Inquisição no passado, vão reunir em Congresso de 4 a 10 de Abril em Tânger, com o patrocínio do Municipio daquela cidade Marroquina, estando a decorrer o periodo de inscrições, abertas a quantos, descendentes ou não, desejarem participar.

Os “Moriscos”, ou os milhares de Andaluzes expulsos da Península Ibérica para Marrocos, com o objectivo de irradicar as suas raízes andaluzes, são na atualidade objeto de inúmeros estudos e trabalhos de investigação, no âmbito da História moderna de Espanha.

Um grande número desses Andaluzes que se estabeleceram em Marrocos, conservaram a linhagem até à atualidade e apesar da sua posição no tecido social marroquino, com todos os aspetos de revalorização da vida cultural e artística, nunca foram reconhecidos, na História moderna de Marrocos.

Um grupo de individualidades e organizações, entende que é chegado o momento, de superar os impedimentos que submergiram o tema, num mar de confusas dimensões, herdadas desde à séculos, sendo por isso tempo de empreender, todos em conjunto, marroquinos, espanhóis e portugueses, o re-exame deste que é considerado um capítulo doloroso, da história comum dos três países.

Este processo teve início em 2009, quando se deu o primeiro passo, coincidente com a efeméride do quarto centenário, da expulsão dos convertidos do reino de Valência, o que originou uma séria reflexão, tendo sido decidido a Fundação al-Idrisi Hispano Marroquina em parceria com o Centro Cultural Islâmico de Valência, a Universidade de Valência e outras instituições, avançar para a organização de um Congresso Internacional na Capital do Turia.

Os descendentes andaluzes (Moriscos) que pretendam participar no Congresso Internacional, devem contatar diretamente a Fundação al-Idrisi HISPANO MARROQUINA para a Investigação Histórica, Arqueológica e Arquitetónica, diretamente para Fatima-Zahra  Aitoutouhen Temsamani a Secretaria geral e coordenadora cultural da fundação, pelos meios abaixo indicados.

FUNDACION al-Idrisi  HISPANO MARROQUI  PARA LA  INVESTIGACIÓN HISTÓRICA, ARQUEOLÓGICA  Y  ARQUITECTÓNICA
E.MAIL: fundacionalidrisi55@gmail.com    |    APARTADO 4.359 -SEVILLA 41080 -ESPAÑA   !   TLF:0034 639853337




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »