“Promoção da Biomassa Florestal Residual” em exposição!

15

Foi inaugurada na passada quinta feira, 8 de Janeiro, nos claustros do Convento Espírito Santo em Loulé, a exposição itenerante “Promoção da Biomassa Florestal Residual”, que visa dar a conhecer os resultados finais do Projeto Proforbiomed.

Na cerimónia, estiveram presentes, Vítor Aleixo, Presidente da Câmara Municipal de Loulé, Vitor Guerreiro, Presidente da Câmara Municipal de São Brás de Alportel, Macário Correia, administrador delegado da Algar e os representantes do INUAF – Instituto Dom Afonso III e do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas.

O Projeto Proforbiomed, desenvolvido entre diversas entidades nacionais e europeias, entre as quais a Câmara Municipal de São Brás de Alportel, teve como principal objetivo o estudo dos benefícios da utilização de biomassa residual florestal na região algarvia.

No concelho são-brasense as vantagens da biomassa já se fazem sentir depois de ter sido instalada uma caldeira a biomassa florestal para produção de energia nas Piscinas Municipais Cobertas, um projeto pioneiro na região. Essa energia é utilizada na climatização do espaço interior, no aquecimento da água das piscinas e da água para banhos e permitiu reduzir a despesa da autarquia com o aquecimento em cerca de 60%.

A aplicação da biomassa florestal traz inúmeros benefícios para a região e para o país, não só a nível energético e económico mas sobretudo ambiental, por exigir um uso eficaz e controlado de biomassa, promovendo comportamentos prudentes e a implementação de uma gestão sustentável, mais amiga do ambiente.

Para além disso as diversas aplicações que podem ser dadas à biomassa quando comparada com outras fontes de energia, tornaram-na uma das grandes apostas dos países membros da União Europeia, no contexto das energias renováveis, enquanto fonte de energia adaptável às condições oferecidas pela bacia do Mediterrâneo.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.