Postos de Turismo do Algarve com certificação de qualidade!

9

Os postos de turismo do Algarve, no total 21, obtiveram a certificação internacional de qualidade ISO 9001:2008, após conclusão do programa certificador da gestão e organização, no sentido de aportar maior eficiência e otimizar a resposta, com o foco na satisfação dos visitantes, que procuram estas estruturas durante as suas férias na região.

O certificado, atestado pela empresa acreditada SGS, foi atribuído no âmbito da prestação de serviços de informação turística, da comercialização de produtos regionais e de promoção do destino Algarve na rede dos postos de atendimento ao turista tutelados pela Região de Turismo do Algarve (RTA).

Obtida a certificação, Desidério Silva Presidente da RTA, declarava que: “Foi com grande alegria que recebemos a notícia da certificação, que não teria sido alcançada sem o envolvimento e o profissionalismo de todos os colaboradores. Temos agora mais responsabilidades perante os utilizadores dos postos e perante a entidade certificadora, com quem nos comprometemos a ter um programa de melhoria contínua dos nossos serviços”

A ISO (International Organization for Standardization) é uma organização não-governamental que está presente em 162 países e que promove a normalização de produtos e serviços desde 1946, usando normas que visam melhorá-los. A ISO 9001 é precisamente uma delas. Esta norma internacional de referência para a certificação de sistemas de gestão da qualidade reconhece as organizações com serviços eficientes e empenhadas em garantir o aperfeiçoamento do seu sistema organizativo e a satisfação dos seus clientes.

O processo de implementação da norma europeia na RTA começou em 2007 e culminou agora na conquista do certificado que “dá mais credibilidade a esta Região de Turismo que gere a promoção do maior destino de férias do país”, considera Desidério Silva.

O objetivo que se segue é distinguir também, além dos postos, os serviços da sede da RTA com esta norma de referência, estando já em curso o alargamento do sistema de gestão da qualidade.

O projeto integrou uma candidatura mais ampla ao PO Algarve 21, ao abrigo do QREN, que contou com uma dotação global de quase 290 mil euros, comparticipados em 65 por cento pelo FEDER.

certificado_RTA




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.