Os contos e diz-contos d´um Olhanense à italiana!

11

jose-arcanjo

Pois é… cá p´ra gente, por este andar, o Olhanense, clube da primeira liga nacional com mais de 100 anos de história, ainda vai acabar a jogar sozinho no Estádio do Desperdício, com uns quantos italianos a assistir e a bater palmas pelo adversário, confundidos, enquanto no velho estádio José Arcanjo, se constroem umas quantas torres, para vender ao retalho.

E tudo porque os contos e diz-contos sobre os jogos do Olhanense em Faro esta temporada, indiciam isso mesmo, mais parecem a história do Zé da M´Jua, que já tinha vendido a burra ao passante e ainda garantia aos papalvos da horta velha, que a burra estava para durar… e estava…

Primeira era só por umas jornadas, rapidamente a equipa voltaria ao seu estádio natural, mais à frente era garantido pelo presidente do Clube e da SAD, que o jogo com o Estoril, já seria disputado no “nosso” estádio, o José Arcanjo, pois claro, mas afinal… não… já não há Zé Arcanjo p´ra ninguém e já é público, que toda a gente sabia (dirigentes), desde o início da temporada, que o clube não voltaria a jogar em Olhão no presente campeonato e talvez nos próximos, se houver próximos…

Esperem… também não é assim, toda a gente não… afinal o Presidente que supostamente é o Presidente da SAD e do Clube, desconhecia completamente segundo ele próprio declarou em público.

Diz o suposto Presidente, que quando garantiu ao sócios que o jogo com o Estoril já seria em Olhão, desconhecia completamente, a existência de uma carta em que solicitavam à Liga, que a temporada 2013/2014 fosse jogada no Estádio do Desperdício em Faro.

(…) Como presidente do clube e da SAD, desconhecia este documento e induzi os sócios em erro quando disse que jogaríamos no Estádio José Arcanjo, contra o Estoril. Há quatro semanas reuni com dois administradores da SAD e disse-lhes que era imperioso jogar em Olhão. Disseram-me que sim e pedi ajuda financeira à SAD para realizar as obras no relvado. Se tivesse conhecimento deste documento pedia para se fazer essas obras? Obviamente que não(…).

Bem mas… aguenta ai a ver sagente pecébe (de perceber) o des-norte.

Então mas… o Presidente não é presidente daquela coisa toda? Do Clube e da SAD? Afinal o homem é presidente de quê?

Pois é… Tá visto que o Clube já não é do Clube, ou antes… já não é dos Sócios… o Clube é da SAD, a SAD é dos Italianos e agora são eles quem manda e decide, como, onde e quando.

Já só falta, um dia destes termos de assistir ao derrube do José Arcanjo, para dar lugar a umas quantas torres, para depois lá do alto, vermos desaparecer o Olhanense ao longe.

E’finito … hanno comprato … hanno pagato … il Olhanense è loro.

AnaOfir




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.