Os ARUTLA venceram o 15º Festival de Artes de Albufeira

Os ARUTLA venceram o 15º Festival de Artes de Albufeira

13

O grupo de dança ARUTLA, de Altura, conquistou o 1º lugar na 15ª edição do Festival de Artes Infantil e Juvenil de Albufeira. A final decorreu no dia 18 de março, no Auditório Municipal de Albufeira.

Em palco esteve uma fenomenal demonstração do talento artístico algarvio, dos 6 aos 17 anos, com performances de 20 finalistas, desde intérpretes de acordeão, piano, guitarra portuguesa e dança.

A iniciativa, promovida pela Câmara Municipal de Albufeira, é considerada o melhor palco de dança, canto e música, que existem nesta faixa etária na região algarvia.

As ARUTLA têm cerca de 18 anos de existência. Começaram por ser um grupo de amigas movidas pela mesma vontade e paixão pela dança. Atualmente o grupo que tem cerca de 45 alunas, entre os 6 e os 17 anos, é coreografado pela professora Laura Pook, no Clube Recreativo Alturense. Dos quatro grupos etários das ARUTLA, dois foram apurados para o Festival e um sagrou-se o vencedor deste Festival, na faixa etária dos 6 aos 12 anos.

A vice-presidente e vereadora da cultura da Câmara Municipal de Castro Marim destacou o trabalho da coreografa Laura Pook, “tem feito um trabalho educativo extraordinário, projetando o nome do Clube Recreativo Alturense, com a centena de jovens que já ensinou e coreografou, contribuindo firmemente para a aquisição de novas competências e jovens, ao ponto de determinar as escolhas e percursos universitários. Além de coreógrafa, é a modista, costureira e amiga para uma vida de muitas destas jovens”. Em relação a esta vitória, “um grupo amador, de um território distante de muitos dos palcos, demonstra que uma boa escola, depende mais do conhecimento, paixão e entrega do mestre, do que as paredes que o envolvem. Castro Marim orgulha-se de abraçar gente no seu território, deste calibre. As pessoas é que fazem os lugares. Castro Marim é um lugar de sorte”, concluiu a vice-presidente.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.