O Algarve promoveu-se na maior feira de turismo nacional!

18

O balanço da presença da Região de Turismo do Algarve (RTA) na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL) que encerrou no último domingo, é “francamente positivo” revela o “grande dinamismo do setor”, considera o presidente daquela entidade. Adesão do trade, municípios, comunicação social e público em geral deixam Desidério Silva “otimista” em relação a 2015.

Durante cinco dias, o Algarve esteve em exposição na maior feira de viagens e turismo em Portugal. De 25 de fevereiro a 1 de março, 70 mil pessoas visitaram a BTL, na Feira Internacional de Lisboa (FIL), que este ano contou com mais de 1000 expositores e foi palco de 2700 reuniões profissionais.

“Os números mostram a importância da BTL para o país e, por conseguinte, para a região algarvia. O evento potencia novos contactos e promove os melhores projetos do destino”, continua o presidente da região de turismo. A prová-lo estão outros dados fornecidos pela organização, já que a 27.ª edição do certame foi visitada por cerca de 12 mil profissionais do setor, um reforço de oito por cento face ao ano anterior.

O stand da RTA, de 441 metros quadrados, reuniu o melhor que o Algarve tem para oferecer aos turistas nacionais e internacionais. Assim, aos municípios da região juntaram-se 20 empresas do setor, presentes no expositor com módulos de negócio da iniciativa “Algarve Convida”, que voltou a apresentar-se como um ponto de venda de pacotes de férias a preços especiais.

As degustações diárias de gastronomia e vinhos da região e os workshops de cataplana, que registaram sempre lotação esgotada, contribuíram para a presença permanente de visitantes no stand ao longo da feira.

Nem mesmo a reportagem do programa informativo da RTP1 Portugal em Direto ficou indiferente às apresentações do Algarve na BTL, tais como a Dieta Mediterrânica, a Rota dos Vinhos do Algarve e a Algarve Nature Week, para além do projeto Cataplana Algarvia. Oportunidades de divulgação e promoção do destino que revelam “um retorno excelente para todos os expositores”, conclui Desidério Silva.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.