Luís Quintais venceu Prémio Nacional de Poesia António Ramos Rosa

Luís Quintais venceu Prémio de Poesia António Ramos Rosa

17

O poeta Luís Quintais, foi galardoado na V edição do Prémio Nacional de Poesia António Ramos Rosa, pela obra O Vidro.

O júri do Prémio, considerou o rigor da sua escrita, refletido na obra O Vidro, um volume e poemas que para o jurado, merece ser distinguido com o prémio de poesia António Ramos Rosa, uma das vozes que Quintais, não cessa de homenagear ao produzir uma obra viva, densa e que resiste à deflação do poder imaginativo na nossa época de funcionários cansados.

Para o júri, Luís Quintais, construiu desde 1995 um dos mais sólidos percursos na poesia portuguesa recente, propondo uma linguagem poetica como vestígio de uma voz que analisa, desmonta e interpreta o mistério, de um mundo que é frequentemente, um universo obscuro, caótico, armadilhado.

A obra de Quintais furta-se a qualquer entendimento fácil, não é nem descritiva, nem hermeticamente lírica, antes propõe uma leitura transfigurada do mundo de que parte e a que sempre regressa…

O juri da V edição do Prémio Nacional de Poesia António Ramos Rosa, foi constituído por António Carlos Cortez, poeta e crítico literário, Gastão Cruz, poeta, ensaísta e crítico literário e pelo Prof. Doutor Pedro Ferré, vice-reitor da Universidade do Algarve e docente na FCHS-UAlg.

Luís Quintais junta-se à galeria onde já marcam presença, Fernando Echeverria, Fernando Guimarães, Nuno Júdice e João Rui de Sousa, vencedores das anteriores quatro edições do Prémio.

O Prémio, no valor de 5000 euros, tem o alto patrocínio da Fundação Millennium BCP e o apoio de DELTA Cafés, ANA – Aeroportos de Portugal, Turismo de Portugal, Hotel Faro, Tertúlia Algarvia e Jornal de Letras, Artes e Ideias, vai ser entregue no próximo dia 23 de Abril, pelas 17h00, em sessão pública a realizar na Biblioteca Municipal de Faro António Ramos Rosa.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.