Lançada hoje a 1ª Pedra da nova ETAR Faro-Olhão

Lançada hoje a 1ª Pedra da nova ETAR Faro-Olhão

7

Foi lançada hoje em Faro, numa cerimónia presidida pelo Secretário de Estado do Ambiente, Carlos Manuel Martins, a 1ª Pedra da futura ETAR Faro – Olhão.

1ª Pedra - ETAR Faro-Olhão

1ª Pedra – ETAR Faro-Olhão

Na cerimónia para além da assinatura do Auto de Consignação da obra, entre a Águas do Algarve e o Consórcio constituído pelas empresas Oliveiras, S.A. e Aciona Água, S.A., teve lugar a apresentação técnica do projeto, bem como a exibição de um Filme em formato 3 D, que mostrou a futura ETAR.

Estiveram presentes na cerimónia, o Presidente da Águas de Portugal, João Nunes Mendes, Presidente da Águas do Algarve, Joaquim Peres, e os dois Administradores Isabel Soares e Jorge Torres, para além dos Presidentes das Câmaras Municipais de Olhão, António Pina, S.Bras de Alportel, Vitor Guerreiro, e a Vereadora Teresa Correia que representou o município de Faro, entre várias outras individualidades.

Esta nova estrutura ambiental, que representa um investimento de 21.820.023,43 euros, conta com a contribuição do Fundo de Coesão no valor de 18.547.027,57 euros, uma taxa de cofinanciameento de 85%.

A construção da futura ETAR Faro – Olhão, vai colmatar as limitações dos atuais sistemas de tratamento existentes por lagunagem, a ETAR de Faro Nascente e a ETAR de Olhão Poente, designadamente para fazer face aos níveis de qualidade, exigidos no efluente tratado descarregado no meio recetor, a ria Formosa.

A nova ETAR construída com as mais recentes tecnologias, vai tratar as águas residuais de uma população de cerca de 113.000 habitantes equivalentes, pertencentes às cidades de Faro, Olhão e S.Brás de Alportel. O caudal diário de tratamento ascende a 28.000 m3 com pontas horárias de até 4.800 m3.”

Ao nível da solução adotada, esta contempla na fase líquida as etapas de tratamento preliminar, biológico, e desinfeção, possuindo ainda uma desinfeção adicional para produção de água de serviço.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.