Lagos promove a oferta turística com o FUN & KNOW

Lagos promove a oferta turística com o FUN & KNOW

10

Lagos lançou o FUN & KNOW um programa que tem por objetivo promover a oferta turistica do concelho, estimulando o empreendedorismo, as parcerias e o trabalho em rede entre atores públicos e privados.

Este projeto, que alia a oferta de lazer e conhecimento de dez equipamentos lúdico-culturais, ganha agora visibilidade em vários suportes de comunicação e envolvendo diversos estabelecimentos hoteleiros na sua promoção, junto dos turistas que visitam Lagos.

Face à relevância estratégica do turismo para o crescimento sustentado da economia do concelho, e considerando o crescimento da procura do destino Lagos nos últimos anos, a autarquia concebeu a iniciativa FUN & KNOW, uma iniciativa estruturante da oferta do produto turístico, composto por dez equipamentos lúdicos e culturais, quatro públicos e seis privados, singulares no contexto concelhio.

“Lagos não se resume apenas a sol e praia. É muito mais do que isso, e é exatamente essa mensagem que se pretende passar com o FUN & KNOW”, refere o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Lagos, Hugo Pereira.

Na comunicação deste projeto, são promovidos 4 equipamentos públicos, o Museu Municipal de Lagos, o Núcleo Museológico Fortaleza Ponta da Bandeira, o Núcleo Museológico Rota da Escravatura – Mercado de Escravos e Centro Ciência Viva de Lagos e a 6 equipamentos privados, o Museu de Cera dos Descobrimentos, Parque Zoológico de Lagos, Wake Salinas – Cable Park, Parque Aventura, Pro Putting Garden e o Woop – Fun for All, equipamentos diferenciadores que oferecem, no município, experiências únicas tanto a munícipes, como a visitantes.

“Este projeto tem agora o seu ano zero. O desafio lançado foi de imediato aceite por todos, o que nos dá a certeza que o caminho a seguir é este, o de criarmos sinergias em prol da promoção de Lagos como destino turístico de excelência e atenuar a sua sazonalidade”, refere o autarca, avançando que já está ser considerada uma 2ª fase “em que pensamos alargar a participação a outros atores locais e privados nesta campanha”. Até porque este é um fator relevante para a autarquia – incentivar e participar num trabalho em rede, alicerçado na proximidade e na colaboração entre atores, valores fundamentais de um clima empreendedor que se espelha na dinâmica, desenvolvimento e crescimento económico de qualquer território.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.