Lagoa já tem um GIS - Gabinete de Intervenção Social

Lagoa no 1º lugar no ranking do Anuário Financeiro

7

Lagoa ocupa o 1º lugar no ranking global dos 308 Municípios Portugueses, do Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses, pela eficiência e maior independência financeira.

O 11º Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses, recentemente publicado, apresenta uma análise económica e financeira das contas dos 308 Municípios, relativas ao exercício económico em 2014.

Em relação ao ranking global, só 60 Municípios conseguiram obter uma pontuação superior a 50% da pontuação total e, destes, apenas 11 conseguiram uma pontuação superior a 70%, dos quais, três municípios são de grande dimensão, 4 de média dimensão e 4 de pequena dimensão, sendo que um obteve mais de 80% da pontuação total, o Município de Lagoa, com 80,9%.

Lagoa está inserida na classe dos Municípios Médios, com uma população de 22.975 habitantes, um pouco mais do que os resultados obtidos nos últimos Censos.

Em 2014, o Município de Lagoa liderou o ranking, com o rácio de independência financeira de 85,6% (em 2008 – 82,1%, 2009 – 78,8%, 2010 – 78,8%, 2011 – 81,6%, 2012 – 83,6%, 2013 – 73,3%).
Na análise dos Municípios com maior grau de execução da receita cobrada, em 2014, Lagoa está em 2º lugar com 107,0 %, depois de Albufeira, com 107,3 %.

O Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses, editado desde 2005, é um projeto de extrema relevância para a evolução da investigação da Contabilidade Pública em geral e da Contabilidade das Autarquias Locais em especial, sendo uma referência na monitorização da eficiência do uso dos recursos públicos na administração local.

Resulta de um trabalho em equipa que envolve o Centro de Investigação em Contabilidade e Fiscalidade (CICF) do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) e o Centro de Investigação em Ciências Sociais (CICS) da Universidade do Minho, sendo editado pela Ordem dos Contabilistas Certificados, com a colaboração do Tribunal de Contas, entre outras entidades.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.