ACRAL e IEFP assinaram protocolo para ações de formação!

10

A ACRAL – Associação do Comércio e Serviços da Região do Algarve assinou esta terça feira, um protocolo com o IEFP – Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), para uma acção formativa no âmbito da medida “Vida Activa”, que irá abranger 50 pessoas inscritas nos centros de emprego da região.

O protocolo que foi assinado pelos presidentes da ACRAL, Victor Guerreiro, e do IEFP, Jorge Gaspar, numa sessão que contou com a presença do presidente da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal, João Vieira Lopes, e do delegado regional do IEFP, Carlos Baía, tem o valor máximo de 80.435 euros, correspondentes a um total de 25.360 horas de formação.

Para Vitor Guerreiro, o presidente da ACRAL, o protocolo assinado hoje é “mais uma ferramenta importante no trabalho que é preciso continuar a desenvolver para aumentar as qualificações dos algarvios, nomeadamente nas áreas do comércio e serviços”, reafirmando que “este é um protocolo com um valor e um volume de desempregados abrangidos que fica aquém das necessidades da região”.

O presidente do IEFP, dá destaque à “aposta numa formação que não passa por ser massiva, mas sim focalizada e com um objectivo muito claro de empregabilidade”.

Vitor Guerreiro revelou ainda que a associação “criou um grupo de trabalho que está a analisar as efectivas necessidades formativas na região e a forma como se pode melhorar a formação e maximizar os respectivos resultados”.

“Vamos reunir em breve com o IEFP e transmitir aquelas que são as conclusões do nosso trabalho, no sentido de se melhorarem os efeitos das formações no combate ao desemprego e na resposta às necessidades reais das empresas e da economia”, referiu Victor Guerreiro, que sublinha que “também neste campo, como noutros, a ACRAL está apostada em levar para o terreno propostas e soluções que sejam palpáveis e implementáveis, deixando de lado as intervenções e análises puramente retóricas”.

“A resposta aos problemas reais das empresas algarvias e da economia da região é um trabalho que estamos a desenvolver há cerca de um ano, desde que tomámos posse, e que já tem frutos no terreno”, diz Victor Guerreiro, “e é aí mesmo que queremos fazer sentir a nossa acção, junto dos empresários e das empresas, porque são eles que criam riqueza e são a chave para sairmos da situação em que nos encontramos na região”, remata o líder da ACRAL.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.